Top 10 – Musicas de(com?) FENÔMENOS Climáticos / Meteorológicos / Whatever (?!)

Olá amiguinhos, temos aqui mais um post altamente RANDOM que o nefandagem adora. É difícil precisar de onde saiu a inspiração pra fazer isso de verdade, mas um dos principais fatores é homenagear KLOSE que passou o FENÔMENO na artilharia-all-time de Copas do Mundo (se fodeu Homem Fol-Eco).

Outro ponto que inspirou isso aqui é que eu gosto de STORM, nem que seja só fazer BRAINSTORM de boa e coisas do tipo, anyway: As regras disso são estranhas (existe?): Vale fenômeno climático, meteorológico, sísmico, tecntonico (sei la como avaliar isso tudo aí na real) ou coisas do tipo – vale (quase) tudo. Anyway, sambora

Menção: Guns n’ Roses – November Rain (Link Safado)

Na real… Alguém esperava que isso entraria no Top 10? hehe

Se bobear é a melhor música do GnR com considerável sobra e essa bela música já foi citada aqui no blógue nefando uma vez no BELO POST escrito pelo mais querido guitarrista do Brasil, Miller Borges ( o melhor guitarrista na escala de Miller\flat ).

E concordo com o Millão, todos os solos dessa música são espetaculares que dá pra aguentar toda a chorumela do Sr. Rosa na música inteira. Slash só não FAZ CHOVER nessa música (mentira, olha o tema do post, faz chover sim!)

#10 – Blind Guardian – Into The Storm (Link Safado)

Hm… É estranho falar de Blind Guardian hoje. Ainda acho a trinca Somewhere Far Beyond / Imaginations From The Other Side / Nightfall in Middle-Earth um troço ABSURDO (ainda dá pra ouvir bem as músicas desses três cds muito de boas, só não rola mais ouvir os cds inteiros como nos bons tempos).

Mas se me falarem que Blind Guardian BÃO MESMO era da trinca Batallions of Fear / Follow The Blind / Tales From The Twilight World (ou até o Tokyo Tales, vai…) também vou aceitar sussa.

Anyway, Into The Storm é do fantástico Nightfall in Middle-Earth, um album conceitual baseado no (fantástico) Silmarillion do Tolkien (a primeira  era da Terra Média cara!). A capa também é de foder de legal, arte de Andreas Marshall (que fazia uma cacetada de capas na época – hj em dia não faço ideia como anda o trem) com Luthién e Morgoth. Um grande ORGASMO NERD.

#9 – Maekawa Kiyoshi – Nagasaki wa Kyoumo Amedatta (Link)

Opa, primeira NIPONICIDADE RANDOMICA do Post. Basicamente o título seria algo como “Hoje choveu novamente em Nagasaki” ou “Mais um dia chuvoso em Nagasaki”, enfim, deu pra pegar o espirito que choveu né.

Maekawa Kiyoshi é um grande MITO e estava no meu Top 10 – Ídolos Japoneses Aleatórios ao lado de muita GENTE TARIMBADA (by the way, até vale a olhada nesse post. O TOP 3 tem TRÊS MONSTROS SAGRADOS MITOS ETERNOS E ESTOU ATÉ EM PÉ PRA DIGITAR ISSO).

Pra ajudar os amiguinhos, até linkei safadamente uma versão com uma traduçãozinha safada em inglês pra não ficarem perdidos sem entender lhufas e quiserem matar a curiosidade. Esse som também é um grande clássico de karaokes da Liberdade.

#8 – Garbage – Only Happy When it Rains (Link Safado)

Não preciso ter vergonha de falar que eu gosto bastante de Garbage, certo? Imagino que não preciso da desculpa esfarrapada que “acho legal por causa da Shirley Manson” – Tá, Eu sei que a Shirley Manson realmente é DAORA. Ao menos era, preciso caçar aqui como ela tá hoje em dia, whatever😛 (Ainda acho Push It a música mais legal dos caras)

Colocações Importantes: Certamente a pessoa só escreveu essa música por não morar aqui em São Paulo, se fosse por aqui deveria ser “I get really stressed when it rains”, a pessoa teria que ficar pegando aqueles transitos do capiroto de dias de chuva (ou nem precisa ser uma CHUVA em si… pode ser só aquela cuspida no chão, as pessoas simplesmente tiltam) ou teria que pegar busão lotado com os fedegozos deixando todas as janelas totalmente fechadas, deixando aquele MUFUM absurdo por falta de circulação de ar, uma delicia. Além das pessoas que acham que o guarda-chuva delas consegue atravessar as outras pessoas e andam sem medo da verdade.

(PS: Nada contra chuva, mas chover as 18h de dias de semana é sacanagem haha)

#7 . Gusttavo Lima – Tsunami (Link Safado)

Tá, não sei exatamente encaixar Tsunami nas categorias de Fenômeno, mas de qualquer maneira, Gusttavinho é um fenômeno musical, um grande ícone e inspiração, daí já pode entrar na lista de qualquer maneira.

Ainda que não seja seu melhor som (difícil escolher, diga-se de passagem…), deixar Gusttavinho de fora de um top de nefandagem (que ele se encaixe de alguma maneira) seria um erro.

Destaque também pra pronuncia horrível de TISSUNÂMI e a própria utilização da palavra definindo a moça. “Essa mulher é um TSUNAMI“. Sucesso.

#6 – Southern All Stars – Tsunami (Link Safado)

Minha música japonesa favorita da década passada, conforme já apontado em um belo post de nefandagem: Top 20 – Músicas Japonesas Década 2000 (esse trem aqui foi um trabalho da porra fazer, fora a indecisão pra definir os 3 primeiros haha).

Pra mais informações da música, o ideal seria entrar nesse link safado e ler um pouco mais. Anyway, essa letra é de foder de bonita, um tanto pra baixo mas…

No caso do Gusttavinho o Tsunami era uma Onda no coração e uma qualidade da moça da música… Aqui temos a solidão como um Tsunami. É solidão paaaacaraaaalho. Enfim, chega de coisas tristes :v

Obs Inutil: É minha segunda música mais tocada segundo o last.fm, só atrás de Mr. Big com Shine haha

#5. Garth Brooks – The Thunder Rolls (Link Safado)

Tá, não tá exatamente no título da música, mas a Tempestade também pega forte ai.

“The thunder rolls and the lightnin’ strikes
Another love grows cold on a sleepless night
As the storm blows on out of control
Deep in her heart  – The thunder rolls”

Garth Brooks é um grande monstro, Rei dos Country Music Awards. Quando resolve fazer um som muito dos transudos ele faz com muita classe (não é só de Standing Outside the Fire que viveu o cara). As versões ao vivo de Standing Outside The Fire, The Thunder Rolls, The Dance e Friends in Low Places do Double Live são de arrepiar, é mais que recomendado – meh, o double live inteiro é ridículo de bão (pena que ele é um merdão e tira tudo do youtube).

#4. Calcinha Preta – Faço Chover (Link Safado)

Pois é… Calcinha Preta só conseguiu a honrosa quarta colocação nesse Top 10 Daí você sente como o Top 3 está recheado de grandes estrelas e clássicos (na verdade até queria colocar CP como TIER 3, mas me segurei dessa vez).

Esse som é fantástico e posteriormente coverizado pelo Bruno Mars (hahaha), mostra muito bem todo o talento de Dennis Nogueira e Silvana, o MONSTRO Dênis já tinha mostrado todo seu poder de fogo com a fantástica ÉRICA (uma das melhores músicas da década até agora), mas essa foi pra se consolidar como um grande MITO.

Na mesma época também lançaram a SUPER PRODUÇÃOAMANHECER“, uma belíssima canção baseada no LINDO LIVRO Amanhecer da errr… Saga CREPUSCULO! Infelizmente Marlos voltou a Calcinha Preta (mas… voltou a PAULINHA ABELHA!) e diminuiu um pouco a participação do MITO Dênnis Nogueira, mas… ainda deixaram ele arregaçar no novo classico O MUNDO PODE ACABAR. Enfim. CALCINHA PRETA, A MAIS GOSTOSA DO BRASIL!

#3. Capital Inicial – Primeiros Erros (Chove) (Link Safado)

Cara, você pode notar cara, que quando rola cara do Capital Inicial cara, com esse grande clássico cara, só conseguir cara a terceira posição cara, é porque cara… temos um top 3 recheado cara de muitos classicos eternos cara, ainda mais cara que a gente cara tem que considerar cara que cara, é Primeiros Erros cara, que cara, é uma musica cara, que conta cara com a participação cara, de um cara que é DUCARALHO cara, o SENHORRRR KIKO ZAMBIANCHI.

Temos aqui esse grande clássico cara, do Acústico MTV cara. E cara, vou aproveitar cara, pra indicar cara, esse belo discurso cara, do Dinho Ouro Preto cara, que cara, pode não ser tão bom cara, quanto foi aquele cara que rolou cara no Rock in Rio cara, mas cara, ainda tem muito valor cara. Discurso cara do Dinho cara no Credicard Hall cara.

Aproveito pra indicar cara, a música cara que foi feita cara como um protesto cara, porque cara o Dinho cara realmente anda politizado cara: Saquear Brasilia.

#2. Art Popular – Temporal (Link Safado)

Porra! É muito difícil falar algo desse som. Provavelmente o melhor pagode anos 90 (e sim, eu to falando sério dessa vez). Vou deixar aqui parte da letra vocês já irem cantando mentalmente😀

Cadê aquele nosso amor naquela noite de verão
Agora a chuva é temporal e todo céu vai desabar…

Eh! Até parece que o amor não deu
Até parece que não soube amar
Você reclama do meu apogeu
Do meu apogeu!
E todo o céu vai desabar Ah ah ah ah ah ah ah!
Ai! Desabou!…(2x)

Bom que já fica a dica pro pessoal que não lembrava desse som fodão.

#1. Leandro e Leonardo – Temporal de Amor

Agora já posso assumir. Foi essa música que motivou o post. Tava AS PAMPA ouvindo esse som e pensei “hm… músicas com chuvas, temporais e afins, parece divertido”.

E pra conseguir ser melhor que Temporal do Art Popular só um TEMPORAL DE AMOR mesmo. O que eu vou falar disso aqui? Só apreciem esse clássico (quem acha que não conhece vai se ligar no primeiro verso! hahaha).

Diversas versões pra fechar com classe. Original, covers, participaões e versões.

Original:

Leonardo Solo (2002):

César Menotti e Fabiano!

Nada melhor que fechar um post com muita classe! Abrax!

Sobre Jespinho

Sub-Sub-Sub-Celebridade, Ranzinza, Resmungão, Puto, Apreciador/Pseudoentendedor de Cerveja, Apreciador de Futebol e Basquete Pragmático. Um dos piores guitarristas que você verá na vida... Entusiasta de Desafinadas nos Karaokes da Liberdade.
Esse post foi publicado em Ícone, Country, Música Nefanda, Random, TOP, Top 10 e marcado , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s